Deus odeia o pecado

Samenvatting: Refers to traditional tribal religious customs. "We did not know" the truth: peace from God; His words; His hatred of sin; Jesus' death in our place. Punishment great for those who refuse Jesus. Warning to Christians about going back to old ways. God does not let sin go unpunished. Good for areas where there are nominal Christians. Is both evangelistic and teaching.

Scriptnummer:041
Taal:Portuguese
Thema:Witchcraft, paganism; Son of God; Saviour of Sinful Men; Peace with God; Sin, disobedience; Punishment for guilt; Bridges
Gehoor:Animist; Muslim; General; New Christian
Stijl:Monolog
Genre:Exhortation
Moeilijkheidsgraad:Simple
Doel:Evangelism; Teaching
Bijbelse verwijzing:Paraphrase
Toestand:Approved

Dit script dient als basis voor de vertaling en het maken van opnames in een andere taal. Het moet aangepast worden aan de verschillende talen en culturen om het zo relevant mogelijk te maken. Sommige termen en begrippen moeten verder uitgelegd worden of zelfs weggelaten worden binnen bepaalde culturen.

Tekst van het script

Meus irmaos, escutem bem as minhas palavras. Por muitos anos temos seguido os costumes de nossos pais. Temos usado os amuletos para pacificar os espíritos. Temos matado frangos e cabras para os espíritos dos mortos(Adaptar para uso local).
Essas coisas nos trouxeram a paz? Nao, nossos coraçoes ainda pesam. Nao sabíamos que a paz verdadeira vem somente de Deus. Nao sabíamos que é o pecado que tira nossa paz. Mas agora temos as palavras de Deus e sabemos que Deus odeia muitíssimo o pecado. Ele o odeia tanto que entregou Seu próprio Filho a morte, para que nos pudéssemos recusar o pecado. Para que nao continuássemos pecando, o sofrimento de Jesus foi muito grande.
O castigo que Deus tem para o pecado é o sofrimento eterno no lugar do fogo. Se Jesus nao tivesse morrido, teríamos todos que ir para esse lugar após a morte.
Quando pensas nestas coisas, será que o pecado ainda é insignificante a ti? Deverás tu fazer aquilo que sabes que é errado? Nao, meus irmaos. Jesus sofreu e morreu para nos livrar do pecado. Farás tu com que a morte de Jesus tenha sido em vao? Se continuarem nos vossos pecados, é como se estivessem matando Jesus de novo. Talvez você diga que já aceitou a Jesus e ele tem perdoado os seus pecados. Entao nao deves magoar Jesus, seu amigo, voltando a praticar o pecado pelo qual Ele morreu. Tens tomado Seu nome, e agora és um Cristao?
Entao nao traga vergonha a Deus seguindo o caminho de Satanás de novo.
O meus irmaos, se já tendes vos convertido dos teus pecados, nao voltes aos caminhos das trevas. Segue a luz do caminho de Deus. As palavras de Deus falam claramente. Aqueles que já aceitaram Jesus, Ele diz, "Acaso nao sabeis que o vosso corpo é santuário do Espirito Santo? Nao sois de vós mesmos, porque fostes comprados por preço. Agora pois, obedeça a Deus no que fazes e no que penses, porque pertences a Ele." (1 Cor.6:19,2O) Você traz glória a Deus quando fuma ou bebe (use os vícios locais costumeiros)? Nao, estas coisas roubam as tuas forças e o teu entendi-mento. É Satanás que deseja que as faça. Deus odeia estas coisas. Será que Deus é glorificado quando adulteras com outra mulher? Deus é exaltado quando brigas com teu irmao, ou esposa? Será que Deus gosta da idolatria, e a feitiçaria?
Nao! A Sua ira permanece sobre as pessoas que fazem estas coisas. Traz glória a Deus quando jogas (apostas)?
Nao, é o mesmo do que roubar. É honroso a Deus quando máquinas maldade no teu coraçao? Estes costumes sao a maneira de Satanás para vos enganar. Ele quer que peques, para que vás ao lugar do fogo (que Deus pre-parou para Satanás) quando morrer.
Meus irmaos, Deus conhece todos os nossos pecados e Ele nao os deixaria passar sem serem punidos. O que desejas, a ira de Deus, ou a Sua bençao? Um dia Jesus decidiu a respeito de cada um de nós. Se temos seguido a Ele, Ele será bom a nós. Se temos feito coisas ruins, entao ficaremos tristes, pois Ele nos dirá, "Nao te conheço. Vais, para o lugar onde tem choro e sofrimento perpétuo, onde o fogo nao se apaga, e o verme nao morre."

Ref. 1 Cor. 6:19,20; Mat. 25:41; Mat. 13:42; Mc. 9:44